O que é Cloud Privado?

O que é?

O Cloud Privado é a contratação de vários servidores dedicados, um ou mais Storages e licenças de virtualização, para compor um ambiente exclusivo de alta disponibilidade.

No Cloud Privado, há a agilidade para ativar novos servidores, além da facilidade para priorizar o uso de recursos computacionais.

É um ambiente extremamente flexível, com alta capacidade de processamento e alta disponibilidade.

O Cloud Privado é indicado para projetos que demandam:

  • Alta capacidade de processamento;
  • Alta disponibilidade;
  • Grande capacidade de armazenamento;
  • Agilidade para criação de novos servidores (VMs);
  • Flexibilidade para alocação de recursos computacionais:
    • Priorização de processamento e memória;
    • Alocação inteligente de espaço;
    • Priorização de I/O.

Vantagens

Gerenciamento da infraestrutura do Cloud realizada pelo contratado

Com a utilização de um Cloud Privado, a sua equipe técnica pode dedicar esforços para a administração dos servidores e gestão dos aplicativos, sem se preocupar ou precisar se especializar em infraestrutura.

Sem limites computacionais pré-estabelecidos

Por fazer uso de uma estrutura de equipamentos dedicados à disposição de sua empresa, é possível fazer uso da capacidade computacional disponível de acordo com os seus projetos.

Sem paradas por falha de hardware

Fazendo uso de Storages com redundância total e com as devidas licenças, é possível estabelecer uma infraestrutura que não sofra paradas devido a falhas de equipamento.

Liberdade para criar novos servidores

No Cloud Privado você pode criar tantas máquinas virtuais (VMs) quanto a capacidade computacional contratada permitir.

Uma das facilidades é a possibilidade de criar uma cópia dos servidores de produção para investigar problemas ou realizar testes. Esses servidores podem ser ativados com baixa prioridade de alocação de recursos para não prejudicar os servidores em produção.

Praticidade para expansão de recursos

Ao se verificar que está ocorrendo o esgotamento de recursos, é possível realizar a expansão da capacidade computacional com a inclusão de novos servidores físicos, ou mesmo Storages, sem a interrupção no funcionamento dos serviços ativos.

Flexibilidade para alocação de recursos computacionais

Fazendo uso do Cloud Privado, é possível determinar quais servidores virtuais terão prioridade para uso dos recursos computacionais. Dessa forma, os servidores de produção poderão ter maior capacidade de processamento, mais memória alocada e limites maiores de IOPS em comparação com servidores de teste e outros de uso não prioritário.

 

Deixe uma resposta